sexta-feira, 30 de outubro de 2009

TUDO PRONTO PARA O ENCONTRO ESTADUAL DO PRB MULHER


           
            A executiva estadual do Partido Republicano Brasileiro, no Ceará, já finalizou os preparativos para segunda edição do grande encontro do PRB Mulher, na Capital. O evento, sob o tema “A Mulher Republicana e a Política – Fazendo a Diferença no Século XXI” vai atrair centenas de mulheres filiadas, simpatizantes, detentoras ou não de mandatos eletivos para a Câmara Municipal de Fortaleza, local do encontro.

            Além de mostrar a participação da mulher na sociedade ao longo dos tempos, a data será para também escolher a Executiva Estadual e Municipal do PRB Mulher. E para a formação de um belo clima de alegria e harmonia no evento haverá apresentação de grupos de dança, vídeo tendo a mulher como tema e sorteios. Ao final, a Carta Manifesto Republicano, será formalizada com a presença de todas. Atualmente o PRB é a legenda com o maior número de mulheres em seu quadro partidário, no país.

O encontro vai se dar assim:

SÁBADO, 31 DE OUTUBRO
14Hs (duas da tarde)
AUDITÓRIO DA CÂMARA MUNICIPAL DE FORTALEZA
Rua Thompson Bulcão, 830 – Luciano Cavalcante



UM POUCO MAIS SOBRE O TEMA MULHERES E PARTIDOS

No Brasil, 43% dos filiados a partidos políticos são mulheres. Segundo a Agência do TSE, dos 28 partidos com registro no Tribunal Superior Eleitoral, o PRB possui o maior número de filiadas: 52,88% (1.989) são mulheres e 46,98% (1.767), homens. Em contrapartida, o PSOL, da ex-candidata a presidente Heloísa Helena, apresenta o menor índice de adesão feminina: possui 32,87% (1.829) de filiadas e 67,09% (3.733) de filiados.
Dos 11.570.161 filiados a agremiações políticas no Brasil, prevalece a participação masculina: 6.505.178 (56,22%) são homens e 5.039.006 (43,55%), mulheres. Atrás do PRB, PSTU e PCB ostentam, percentualmente, o maior número de filiadas. No PSTU, 47,38% (6.426) dos filiados são mulheres. No PCB, a participação feminina dentre os membros é de 46,22% (6.391). Os dados são de fevereiro de 2007.



VEREADOR GELSON FERRAZ PRESTA HOMENAGEM AO FUNDADOR DO CEARÁ




           
            Representantes da Marinha, Exército e Aeronáutica e o vice-consul de Portugal, Francisco Brandão foram alguns dos convidados a acompanhar a Sessão Solene em homenagem aos 390 anos de nomeação do 1º Capitão-Mor do Ceará, Martim Soares Moreno. Martim é considerado o fundador do Ceará. Pela importância histórica, o vereador Gelson Ferraz, do PRB, propôs a solenidade quando foi entregue uma placa comemorativa ao chefe do Estado Maior da 10ª Região Militar, cel. Antônio de Araújo Feitosa Filho, representando o comandante Victor Carula.

Para Gelson Ferraz, a história de Fortaleza e de todo Ceará deve ser valorizada e conhecida por todos os moradores assim como suas personagens importantes, como é o caso de Martim Soares Moreno que obteve em 1619 a carta régia como senhor da Capitania do Siará, para onde voltou em 1621, fixando-se por vários anos, consolidando e fazendo florescer sua capitania. Os amores de Martim Soares Moreno por uma índia serviram de tema para o romance Iracema, de José de Alencar, escritor cearense.

Ele foi nomeado o primeiro Capitão-Mor da Capitania do Ceará, em 28 de maio de 1619 por carta patente Del Rey Felipe II, de Espanha e Portugal.

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

CÂMARA MUNICIPAL DE FORTALEZA CELEBRA MARTIM SOARES MORENO, O “FUNDADOR” DO CEARÁ




A Câmara Municipal de Fortaleza respira história nesta sexta-feira. Tudo por conta da Sessão Solene preparada para celebrar os 390 anos do 1º Capitão-Mor do Ceará, o militar português Martim Soares Moreno (1586 – 1625). A proposição é do vereador Gelson Ferraz, do PRB, que atualmente preside a Comissão de Desenvolvimento Econômico, Turismo, Emprego e Renda, do Parlamento. Entidades como 10ª Região Militar, Escola de Aprendizes de Marinheiro, Base Aérea de Fortaleza e Colégio Militar, além da Capitania dos Portos, Colégio do Corpo de Bombeiros e 23º Batalhão de Caçadores foram convidados a participarem do evento.

A programação será a seguinte:

PLENÁRIO FAUSTO ARRUDA DA CÂMARA MUNICIPAL DE FORTALEZA
SEXTA-FEIRA, 30 DE OUTUBRO
10HS DA MANHÃ

 SAIBA MAIS SOBRE MARTIM SOARES MORENO

Martim Soares Moreno pode ser considerado o verdadeiro fundador do Ceará. Jovem soldado sob ordens de Pero Coelho de Sousa destacou-se pela amizade que matinha com os índios, imitando seus costumes. Chegou de volta ao Ceará no início de 1612, em companhia do padre Baltazar João Correia e seis soldados. Construiu um pequeno forte, chamado de São Sebastião, na foz do rio Ceará. Após combates com os franceses no Maranhão e tentativas rechaçadas de invasão dos holandeses, foi a Portugal e obteve em 1619 a carta régia como senhor da Capitania do Siará, onde voltou em 1621, para fixar-se por vários anos, consolidando e fazendo florescer sua capitania. Os amores de Martim Soares Moreno por uma índia serviram de tema para o romance Iracema, de José de Alencar, escritor cearense.

Foi nomeado o primeiro Capitão-Mor da Capitania do Ceará, em 28 de maio de 1619 por carta patente Del Rey Felipe II, de Espanha e Portugal. A memória militar o tem gravado na herádica da 10ª Região Militar – por sua cruz/espada de Santiago e a planta do primeiro forte – e do próprio nome: Região Martim Soares Moreno.

AEROPORTO INTERNACIONAL PINTO MARTINS EMBARCOU NA CAMPANHA CONTRA EXPLORAÇÃO SEXUAL INFANTIL




            A III Campanha “CRIANÇA NÃO É ATRAÇÃO TURÍSTICA!”, promovida pela Comissão de Desenvolvimento Econômico, Turismo, Emprego e Renda, da Câmara Municipal de Fortaleza, presidida pelo vereador Gelson Ferraz, desembarcou, desta vez, no Aeroporto Internacional Pinto Martins, na Capital, para repetir o sucesso das outras duas edições anteriores.

Centenas de panfletos com explicações – em português, inglês e espanhol – sobre o crime de exploração sexual de crianças e adolescentes foram entregues a turistas e passageiros que chegavam a Fortaleza, vindos de diversos Estados do Brasil e também da Europa. As ações foram acompanhadas por órgãos da imprensa cearense, como o Jornal Diário do Nordeste e as TV’s Jangadeiro, Cidade, O Povo, Fortaleza, Assembléia, Diário e Ceará, além do destaque do jornal O Estado.

Em breve, a quarta edição da campanha deve “invadir” a Praia do Futuro, levando mais conscientização a respeito deste crime contra nossas crianças e adolescentes.

terça-feira, 27 de outubro de 2009

III CAMPANHA CONTRA EXPLORAÇÃO SEXUAL INFANTIL “EMBARCA” NO AEROPORTO DE FORTALEZA





A campanha “CRIANÇA NÃO É ATRAÇÃO TURÍSTICA!” já tomou conta do calçadão da Avenida Beira Mar, no mês de Julho. Depois, foi a vez do movimentado Centro Cultural Dragão do Mar, na Praia de Iracema, em Setembro, e agora chegou a vez do Aeroporto Internacional Pinto Martins, também na Capital.
A idéia da Câmara Municipal de Fortaleza, através da sua Comissão de Desenvolvimento Econômico, Turismo, Emprego e Renda, presidida pelo vereador Gelson Ferraz, é visitar os pontos onde há uma grande circulação de turistas, e assim, fazer a entrega dos panfletos – estilo sanfona e de grande formato – com várias explicações importantes sobre o crime de exploração sexual infantil nos idiomas português, inglês e espanhol.

A programação será a seguinte:

AMANHÃ, TERÇA-FEIRA, 27 DE OUTUBRO
ÀS 15Hs (3 da tarde)
SAGUÃO DO AEROPORTO INTERNACIONAL PINTO MARTINS

Órgãos como as Secretarias de Turismo do Governo do Estado e da Prefeitura de Fortaleza, Conselho Tutelar, Funci, ABAV e ABIH também participam da ação que tem o apoio irrestrito do presidente da Câmara de Fortaleza, vereador Salmito Filho e de todo parlamento municipal.

A comissão, presidida por Gelson Ferraz, conta ainda com os vereadores Carlos Dutra, como vice-presidente e os membros Alípio Rodrigues, Antônio Henrique, Carlos Sidou, José Freire e Paulo Facó.


DADOS E NÚMEROS SOBRE A EXPLORAÇÃO SEXUAL INFANTIL 
As denúncias de abuso ou exploração sexual de crianças e adolescentes podem ser feitas no conselho tutelar mais próximo, para o Disque Denúncia Nacional (Disque 100) ou para o Disque Direitos Criança e Adolescente (0800-285-0880), que atende as demandas de Fortaleza.
 
            Desde que o Governo Federal implantou o Disque 100, em 2003, os números de atendimentos e denúncias recebidas aumentam a cada ano. Enquanto em 2003 o serviço recebeu 4.494 denúncias, em 2008 esse número chegou a 32.588, com uma média diária de 89. Em seis anos, são mais de 95 mil denúncias e 2,2 milhões de ligações atendidas – entre elas dúvidas e sugestões.

            Em Fortaleza, a população conta com o Disque Direitos Criança e Adolescente (DDCA) há um ano. De maio de 2008 a março de 2009, foram recebidas 2.636 denúncias. Dessas, 217 eram relacionadas a crimes sexuais contra crianças e adolescentes, sendo que 94 foram de abuso sexual; 70 de exploração sexual e 53 de violência sexual (quando o denunciante não deixa claro, na ligação, qual o tipo de crime sexual cometido).
Ao contrário do senso comum, as comunidades são os locais de maior incidência das violações de direitos relacionadas aos crimes sexuais. Os dados sobre o perfil do explorador, por exemplo, comprovam essa realidade. A exploração sexual nas ruas é praticada prioritariamente por moradores locais, com 54,9% do total. Em segundo lugar, aparecem os turistas estrangeiros com 24,4% de indicações. Na lista de principais exploradores configuram ainda o turista brasileiro, com 12,5%, e o caminhoneiro, com 2.4% das ocorrências. Os dados foram coletados através de uma pesquisa feita por educadores e cientistas sociais da Fundação da Criança e da Família Cidadã (Funci), sob a coordenação geral da presidente da instituição, a socióloga e antropóloga, Glória Diógenes. Durante meses, os pesquisadores foram a campo para traçar um perfil da exploração sexual infanto-juvenil na Capital, entre março e agosto de 2007.